quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Carta de Ano Novo 

Ano Novo é também oportunidade de aprender, trabalhar e servir. 

O tempo como paternal amigo, como que se reencarna no corpo do calendário, descerrando-nos horizontes mais claros para necessária ascensão.
Lembra-te de que o ano em retorno, é novo dia a convocar-te para a execução de velhas promessas que ainda não tivestes a coragem de cumprir.
Se tens inimigos faze das horas renascer-te o caminho da reconciliação.
Se foste ofendido, perdoa, a fim de que o amor te clareie a estrada para frente.
Se descansaste em demasia, volve ao arado de tuas obrigações e planta o bem com destemor para a colheita do porvir.
Se a tristeza te requisita esquece-a e procura a alegria serena da consciência tranquila no dever bem cumprido.
Ano Novo! Novo Dia!
Sorri para os que te feriram e busca harmonia com aqueles que te não entenderam até agora.
Recorda que há mais ignorância que maldade em torno de teu destino.
Não maldigas nem condenes.
Auxilia a acender alguma luz para quem passa ao teu lado, na inquietude da escuridão.
Não te desanimes nem te desconsoles.
Cultiva o bom ânimo com os que te visitam dominados pelo frio do desencanto ou da indiferença.
Não te esqueças de que Jesus jamais se desespera conosco e, como que oculto ao nosso lado, paciente e bondoso, repete-nos de hora a hora: - Ama e auxilia sempre. Ajuda aos outros amparando a ti mesmo, porque se o dia volta amanhã, eu estou contigo, esperando pela doce alegria da porta aberta de teu coração.

Emmanuel



DESEJOS DE UM * FELIZ ANO NOVO *  A TODOS TRABALHADORES VOLUNTÁRIOS, ALUNOS, COLABORADORES E FREQUENTADORES!!!
OBRIGADO A TODOS PELA CONFIANÇA NA CASA E GRATIDÃO SEMPRE A JESUS E A ESPIRITUALIDADE MAIOR PELO ACOLHIMENTO E PELA CONFIANÇA NO GRUPO!!!


quinta-feira, 24 de dezembro de 2015


NATAL ! SOMOS NÓS 
                                                                           
Natal somos nós quando decidimos nascer de novo, a cada dia, nos transformando.
Somos o pinheiro de natal quando resistimos vigorosamente aos tropeços da caminhada.
Somos os enfeites de natal quando nossas virtudes, nossos atos, são cores que adornam.
Somos os sinos do natal quando chamamos, congregamos e procuramos unir.
Somos luzes do natal quando simplificamos e damos soluções.
Somos presépios do natal quando nos tomamos pobres para enriquecer a todos.
Somos os anjos do natal quando cantamos ao mundo o amor e a alegria.
Somos os pastores de natal quando enchemos nossos corações vazios com Aquele que tudo tem.
Somos estrelas do natal quando conduzimos alguém ao Senhor.
Somos os Reis Magos quando damos o que temos de melhor, não importando a quem.
Somos as velas do natal quando distribuímos harmonia por onde passamos.
Somos Papai Noel quando criamos lindos sonhos nas mentes infantis.
Somos os presentes de natal quando somos verdadeiros amigos para todos.
Somos cartões de natal quando a bondade está escrita em nossas mãos.
Somos as missas do natal quando nos tomamos louvor, oferenda e comunhão.
Somos as ceias do natal quando saciamos de pão, de esperança, qualquer pobre do nosso lado.
Somos as festas de natal quando nos despimos do luto e vestimos a gala.
Somos sim, a Noite Feliz do Natal, quando humildemente e conscientemente, mesmo sem símbolos e aparatos, sorrimos com confiança e ternura na contemplação interior de um natal perene que estabelece seu Reino em nós.

Obrigado Jesus!
Por vossa luz, perdão e compreensão.
Feliz Natal, Amigo!


Senhor Jesus!
Nós te agradecemos:
Pela coragem de facear as dificuldades criadas por nós mesmos;
Pelas provas que nos aperfeiçoam o raciocínio e nos abrandam o coração;
Pela fé na imortalidade;
Pelo privilégio de servir;
Pelo dom de saber que somos responsáveis pelas próprias ações;
Pelos recursos nutrientes e curativos que trazemos em nós próprios;
Pelo conforto de reconhecer que a nossa felicidade tem o tamanho da felicidade que fizermos para os outros;
Pelo discernimento que nos permite diferenciar aquilo que nos é útil daquilo que não nos serve;
Pelo amparo da afeição no qual as nossas vidas se alimentam em permuta constante;
Pela bênção da oração que nos faculta apoio interior para a necessária solução de nossos problemas;
Pela tranqüilidade de consciência que ninguém consegue subtrair-nos...
Por tudo isso, e por todos os demais tesouros, de esperança e de amor, de alegria e de paz, de que nos enriqueces a existência, Sê bendito, Senhor!... ao mesmo tempo que te louvamos a Infinita Misericórdia, hoje e para sempre.

Emmanuel (psicografia de Chico Xavier)



Mensagem recebida no Trabalho Assistêncial de Psicografia - 12/Dez/2015


Boa tarde, meus queridos Amigos,
É com muita alegria que nos reunimos em nome de Jesus para celebrar a Vida, celebrar o Amor, celebrar a Fraternidade.

Todos vocês são parte atuante nesse processo pois, todos vieram com um propósito que é de ajudar aquele ser necessitado e que de alguma forma nos auxiliou a despertar em nós o sentimento fraterno, assim como Jesus nos ensinou.

Tenham a certeza de que todos que adentraram nessa Casa de Luz, teve a semente do Amor e da Benevolência regada, com o auxílio desses Seres maravilhosos que são só Amor e gratidão.

A semente está germinando e, tomando a forma daquilo que temos de melhor dentro de nós e, porque não transformar isso em ajuda para aqueles que necessitam.   

Fortaleçam-se na Fé, acreditem no poder do Amor e na bondade de nosso Pai que não desampara a nenhum de seus filhos e, nos concede todas as oportunidades como forma de aprendizado e conhecimento.

Acreditem na sua capacidade de mudança e, trabalhem em favor de Jesus, mas principalmente em favor de nós mesmos pois, somos capazes de fazer o melhor sempre.

Que Jesus possa abençoar a Todos e, que Deus nosso Pai nos ilumine a seguir o caminho do Bem com Jesus e para Jesus sempre.
Muita Paz e, muita Luz a Todos !!!

Equipe Franciscana
No Dia 12/DEZ - Nossos amigos do Grupo Musical Fonte de Luz , estiveram conosco no último Trabalho Assistêncial de Psicografia!!! Gratidão queridos pelo Carinho dedicado à Nossa Casa !!

Magia de Luz


ORAÇÃO DO NATAL
Senhor Jesus. Há quase dois milênios, estabelecias o Natal com a tua doce humildade na manjedoura, onde te festejaram todas as harmonias da natureza.
Reis e pastores vieram de longe, trazendo-te ao berço pobre o testemunho de sua alegria e de seu reconhecimento. As estrelas brilharam com luz mais intensa nos fulgores do céu e uma delas destacou-se no azul do firmamento, para clarificar o suave momento de tua glória. Desde então, Senhor, o mundo inteiro, pelos séculos afora, cultivou a lembrança de tua grande noite, extraordinária de luz e de belezas diversas.
Agora, porém, as recordações do Natal são muito diversas.
Não se ouvem mais os cânticos dos pastores, nem se percebem os aromas agrestes na Natureza.
Um presépio do século XX seria certamente arranjado com eletricidade, sobre uma base de bombas e de metralhadoras, onde aquela legenda suave do “Glória in excelsis Deo” seria substituída por um apelo revolucionário dos extremismos políticos da atualidade.
As comemorações já não são as mesmas.
Os locutores de rádio falarão da tua humildade, no cume dos arranha-céus, e, depois de programa armamentista, estranharão, para os seus ouvintes, que a tua voz pudesse abençoas os pacíficos, prometendo-lhes um lugar de bem-aventurados, embora haja isso ocorrido há dois mil anos.
Numerosos escritores falarão, em suas crônicas elegantes, sobre as crianças abandonadas, estampando nos diários um conto triste, onde se exalte a célebre virtude cristã da caridade; mas, daí a momentos, fecharão a porta dos seus palacetes ao primeiro pobrezinho.
Contudo, Senhor, entre os superficialismos desta época de profundas transições, almas existem que te esperam e te amam. Tua palavra sincera e branda, doce e enérgica, lhes magnetiza os corações, na caprichosa e interminável esteira do tempo. Elas andam ocultas nas planícies da indiferença e nas montanhas da iniquidade deste mundo. Conservam, porém, consigo a mesma esperança na tua inesgotável misericórdia.
É com elas e por elas que, sob as tuas vistas amoráveis, trabalham os que já partiram para o mundo das suaves revelações da Morte. É com a fé admirável de seus corações que semeamos de novo, as tuas promessas imortais, entre os escombros de uma civilização que está agonizando, à mingua de amor.
É por essa razão que, sem nos esquecermos dos pequeninos que agrupavas em derredor da tua bondade, nos recordamos hoje, em nossa oração, das crianças grandes, que são os povos deste século de pomposas ruínas.
Tu, que é o príncipe de todas as nações e a base sagrada de todos os surtos evolutivos da vida planetária; que és a misericórdia infinita, rasgando todas as fronteiras edificadas no mundo pelas misérias humanas, reúne a tua família espiritual, sob as algemas da fraternidade e do bem que nos ensinaste!...
Em todos os recantos do orbe, há bocas que maldizem e mãos que exterminam os seus semelhantes. Os espíritos das trevas fazem chover o fogo de suas forças apocalípticas sobre as organizações terrestres, ateando o sinistro incêndio das ambições, na alma de multidões alucinadas e desvalidas. Por toda a parte, assomam os falsos ídolos da impenitência do mundo e místicas políticas, saturadas do vírus das mais nefastas paixões, entornam sobre os espíritos o vinho ignominioso da Morte.
Mas, nós sabemos Senhor como são falazes e enganadores as doutrinas que se fartam da seiva sagrada e eterna dos teus ensinos, porque dissipas misericordiosamente a confusão de todas as almas, ainda que os seus arrebatamentos se apóiem nas paixões mais generosas.
Tu, que andavas descalço pelos caminhos agrestes da Galiléia; faze florescer, de novo, sobre a Terra, o encanto suave da simplicidade no trabalho, trazendo ao mundo a luz cariciosa de tua oficina de Nazaré!...
Tua, que és a essência de nossos pensamentos de verdade e de luz, sabes que todas as dores são irmãs uma das outras, bem como as esperanças que desabrocham nos corações dos teus frágeis tutelados, que vibram nos mesmos ideais, aquém ou além das linhas arbitrárias que os homens intitularam de fronteiras!
Todas as expressões da filosofia e da ciência dos séculos terrenos passaram sobre o mundo, enchendo as almas de amargosas desilusões. Numerosos sábios e numerosos políticos te ridicularizaram, desdenhando as tuas lições inesquecíveis, mas, nós sabemos que existe uma verdade que dissimulaste aos mais inteligentes para a revelares às criancinhas, encontrada, aliás, por todos os homens, filhos de todas as raças, sem distinção de crenças ou de pátrias, de tradições ou de família, que pratiquem a caridade em teu nome...
Pastor do rebanho de ovelhas tresmalhadas, desde o primeiro dia em que o sopro divino da vontade do Nosso Pai fez brotar a erva tenra, no imenso campo da existência terrestre, pairas acima de todos os povos e de suas transmigrações incessantes, no curso do tempo, ensinando as criaturas humanas a consideras o nada de suas inquietações, em face do dia glorioso e infinito da Eternidade!...
Agora, Senhor, que as línguas da impiedade conclamam as nações para um novo extermínio, manifesta a tua bondade, ainda uma vez, aos homens infelizes, para que compreenda, a tempo, a extensão do seu ódio e de sua perversidade.
Afasta o dragão da guerra de sobre o coração dilacerado das mães e das crianças de todos os países, curando as chagas dos que sangram de dor selvagem à beira dos caminhos.
Revela aos homens que não há outra força além da tua e que nenhuma proteção pode existir além daquela que se constitui da segurança de tua guarda!
Ensina aos sacerdotes de todas as crenças do Globo, que falam em teu nome, o desprendimento e a renúncia dos bens efêmeros da vida material, a fim de que entendam as virtudes do teu reino, que ainda não reside nas suntuosas organizações dos Estados deste mundo!
Tu, que ressuscitaste Lázaro das sombras do sepulcro; revigora o homem moderno, no túmulo das suas vaidades apodrecidas!
Tu, que fizeste que os cegos vissem, que os mudos falassem, abre de novo os olhos rebeldes de tuas ovelhas ingratas e desenrola as línguas da verdade e do direito, que o medo paralisou, nesta hora torva de penosos testemunhos!
Senhor, desencarnados e encarnados, trabalhamos no esforço abençoado de nossa própria regeneração, para o teu serviço divino!
Nestas lembranças do Natal, recordamos a tua figura simples e suave, quando ias pelas aldeias que bordavam o espelho claro das águas do Tiberíades!...
Queremos o teu amparo, Senhor, porque agora o lago de Genesaré é a corrente represada de nossas próprias lágrimas. Pensamos ainda, ver-te, quando vinhas de Cesareia de Filipe para abraças o sorriso doce das criancinhas... De teus olhos misericordiosos e compassivos, corria uma fonte perene de esperança divina para todos os corações; de tua túnica humilde e clara, vinha o símbolo da paz para todos os homens do porvir e, de tuas palavras sacrossantas, vinha a luz do céu, que confunde todas as mentiras da Terra!...
Senhor, estamos reunidos em  teu Natal e suplicamos a tua bênção!... Somos as tuas crianças, dentro da nossa ignorância e da nossa indigência!... Apieada-te de nós e dize-nos ainda:
- “Meus filhinhos...”.
Pelo  Espírito Humberto de Campos
- Do livro: Antologia Mediúnica do Natal,
- Médium: Francisco Cândido Xavier.


quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Resumos de Livros

Queridos amigos à partir de agora teremos " RESUMOS DE LIVROS " no blog...
Agradecemos desde já a nossa querida amiga Angélica , que nos traz tão maravilhoso trabalho.


OS ANIMAIS TÊM ALMA? – ERNESTO BOZZANO – EDITORA ECO

Resultado de imagem para imagem os animais tem almas   

Este é um Estudo Metapsíquico, cuja primeira edição veio a lume em 1929. Tratando de um assunto inovador para a época, o Autor relata diversas Manifestações Espirituais ocorridas com animais. Para melhor compreensão, a obra é dividida em capítulos, e os Fenômenos são classificados em Categorias e Subgrupos.
       Por que os ANIMAIS PERCEBEM MELHOR QUE O HOMEM OS FENÔMENOS ESPIRITUAIS? Como alguns ANIMAIS PREVEEM O DESENCARNE DOS DONOS? De que modo os ANIMAIS se fazem VER E  OUVIR EM SESSÕES DE MATERIALIZAÇÃO?
       O Autor relata SALVAMENTOS efetuados pela PERCEPÇÃO DE ANIMAIS e COMUNICAÇÃO TELEPÁTICA deles COM SEUS DONOS EM MOMENTOS DE PERIGO. Com esta obra riquíssima, o Autor atingiu o seu objetivo: demonstrar a SOBREVIVÊNCIA DA PSIQUE ANIMAL. Leia-a e confira!!!

       TURMA DA MÔNICA – MEU PEQUENO EVANGELHO – Ensinamentos de Amor em Forma Divertida – MAURICIO DE SOUZA – LUIZ HU RIVAS e ALA MITCHELL – ED BOA NOVA – 63 PÁGINAS
 
       Este atraente livro contempla os fãs dos personagens MAIS QUERIDOS do Brasil.
       Nele o primo André convida a turminha a brincar de CONTAR HISTÓRIAS e aproveita para extrair VALIOSOS ENSINAMENTOS de FATOS CORRIQUEIROS. Explicando o SIGNIFICADO da palavra EVANGELHO, ensina a vivenciá-lo no cotidiano.
       A obra contém muitos DIÁLOGOS, substituindo os “balões” dos quadrinhos e aborda, DE MANEIRA ADAPTADA, vários temas estudados no EVANGELHO. UM PRIMOR!!! 

NOSSO PRAZO TERMINA EM 2019!

A pedido de Jesus - Ministro da Terra na comunidade cósmica -, diversos espíritos, de elevada expressão espiritual, estão vindo à Terra, alguns encarnando-se, para trazer o avanço que adquiriram e tecnologias que são utilizadas em outros mundos para fazer desenvolver a humanidade.
Um dos primeiros campos de atuação será a saúde. Eles desenvolverão órgãos sintéticos, sem risco de rejeição, acabando, em definitivo, com o sofrimento daqueles que precisam recorrer a um transplante. A presença desses espíritos causará uma nova onda de progresso, um acelerado desenvolvimento de todos os setores humanos e em conformidade com a harmonia necessária para elevação do planeta na escala dos mundos.

O mesmo se dará no Brasil, especialmente, no que se refere à política. Já estão encarnados espíritos que foram preparados na espiritualidade – entre eles, Emmanuel, mentor espiritual de Chico Xavier – e que terão influência muito grande na transformação cultural e política do Brasil. Essa transformação será tão grande que soará inacreditável e mesmo a comunidade internacional se impressionará de ver o quanto o Brasil progredirá socialmente. Esse processo deve se intensificar na década de 2040.
Outros tantos espíritos, de elevada hierarquia, estão se movimentando em outros pontos do planeta, auxiliando os diversos países a lidarem com seus problemas internos e, também, com os conflitos entre nações. Talvez nunca a espiritualidade, como um todo, tenha trabalhado tão intensamente para favorecer ao homem a mudança real e efetiva.

Entretanto, da mesma forma que as forças do bem se organizam e operam, as forças das trevas também o fazem. Espíritos com grandes conhecimentos e inteligência, mas cujos corações ainda são frios pelo desinteresse no bem,. se organizam em verdadeiros batalhões, exercendo grande pressão e domínio em certas regiões do planeta.

O desenvolvimento dessas inteligências é tão grande que eles conseguiram dominar a técnica da reencarnação e, em determinadas partes do mundo, especialmente no oriente médio, a influência que exercem é grande a ponto de conseguirem reencarnar espíritos inferiores para atender aos objetivos que possuem.

Nesses locais, a presença das trevas é tão constante que promove uma espécie de “elevação do umbral”, onde os encarnados praticamente transitam entre os espíritos perturbados e perturbadores que estão nas esferas espirituais mais baixas. As barreiras que separam a esfera da carne da dos espíritos inferiores, ali, é mais tênue que em qualquer outro lugar do mundo.
Esse “adensamento trevoso” dificulta sobremaneira a atuação dos espíritos esclarecidos e do bem. O próprio ambiente se torna impróprio para suas manifestações, o que favorece, ainda mais, o domínio das trevas. Nesses locais, a forma mais efetiva de auxílio direto é a reencarnação de espíritos elevados. Tarefa, aliás, penosa.
É isto que ocorreu com Eurípedes Barsanulfo, que recebeu da Alta Espiritualidade, a tarefa de se encarnar em meio aos sofredores dessas regiões de conflito, a fim de levar um pouco de amor e, quem sabe, aquecer alguns corações?

Mas, por que essa mobilização? Por que espíritos de tão elevada expressão estão vindo - sabe-se lá de que parte do universo, o que não deixa de ser, também, uma espécie de sacrifício – nos ajudar a evoluir e por que, almas tão elevadas, como Eurípedes Barsanulfo, tiveram que fazer sacrifícios tão pesados nesse momento da história humana?

Como já havia dito Chico Xavier na década de 1970, uma reunião de espíritos de expressão cósmica, responsáveis pelo nosso sistema solar, juntamente com Jesus, representante espiritual da Terra, deliberaram um prazo de 50 anos, a contar da chegada do homem à Lua, em Julho de 1969, para que a humanidade aprendesse, enquanto coletividade, a viver sem se destruir.

Se isso fosse possível, a humanidade entraria numa nova fase de progresso e aceleração vertiginosa de desenvolvimento. Mas, se falhasse, se as nações entrassem em conflito, especialmente, de ordem nuclear, então sofreríamos um atraso nunca antes visto.

A fase que atualmente vivemos é de sinal vermelho. Espíritos inferiores estão se organizando nos planos inferiores e migrando para a Europa – como ocorreu na Segunda Grande Guerra – influenciando a mente coletiva, e a chance de uma nova guerra se torna cada dia mais factível.

A espiritualidade amiga procura cercar pessoas cujas influências possam ser positivas, como é o caso de Dalai Lama e do Papa Francisco, espíritos bons e com poder de influência a mudar o rumo e a cabeça de muita gente. Pessoas que vieram à Terra espalhar amor, bondade e caridade, ao contrário de tantos líderes religiosos que plantando ódio no coração dos adeptos, cairão...

O conflito entre Rússia e Ucrânia é visto com preocupação pela espiritualidade, pois, nos bastidores, há também outros países e interesses. A luta pelo poder, por terra, por domínio econômico, pode envolver países como a China, Índia, as Coreias, Japão, Estados Unidos e desencadear uma nova sede de poder capaz de levar nosso mundo a uma era de sombras espessas. Desta vez, porém, os recursos bélicos são muito maiores do que nas guerras anteriores.

Uma guerra de grandes proporções faltamente faria uso de armas nucleares, hoje, milhares de vezes mais potentes do que as que destruíram Hiroshima e Nagasaki. Os recursos que não fossem consumidos na guerra, que seria rápida, dado o poder de destruição, seriam consumidos nas tentativas de reestruturação dos países. Mas, o temor da espiritualidade é que o uso dessas armas desencadeie um inverno nuclear capaz de afetar todo o mundo, aniquilar a maior parte das espécies animais e vegetais e transformar o planeta num grande deserto gelado.

Se tal ocorresse, a Terra não ascenderia na escala dos mundos, não se transformaria num Mundo de Regeneração... Mas, ao contrário, voltaria ao status de Mundo Primitivo. O que restasse de humanidade encarnada provavelmente voltaria ao estágio das primeiras civilizações. 

Todas essas informações soam apocalípticas e ficcionais. Mas, asseguraram-nos os espíritos de que é um futuro plausível, cujo risco é eminente. É por essa razão que a espiritualidade tem mobilizado tantas almas para ajudar a aplacar o ódio, plantando o amor.

Mas, o que podemos fazer?
Nesses últimos anos até 2019, devemos nos esforçar sobremaneira no desenvolvimento de nós mesmos. Os religiosos são chamados a desempenhar um papel ainda mais atuante, seja em que campo for, em qualquer religião, na transformação de si mesmo e do ser humano. Devemos hoje, mais do que nunca, nos esforçar em nos melhorar, nos transformar, nos modificar em definitivo para o bem. E orar.

Os espíritos nos pediram para que todos reservem alguns minutos do seu dia, das suas orações habituais, dos cultos do evangelho que fazem em casa, para pedir pela paz mundial, pedir que esses espíritos endurecidos possam ser auxiliados pela espiritualidade amiga, pois todo bom pensamento em favor da Terra contribui para que a atmosfera espiritual do planeta se torne melhor, mais propícia às boas influências espirituais. Não devemos subestimar a força do pensamento e, especialmente, a força do pensamento positivo e no bem.
Não devemos temer. Devemos trabalhar com fé e determinação enquanto esse prazo não chega a termo. Devemos apoiar a espiritualidade com nossas orações, nossas atitudes e, se possível, espalhar essa mensagem para que mais pessoas tomem ciência da gravidade do período em que nos encontramos.

Tenhamos esperança de que esses anos passarão e que nada disso ocorrerá. Que nenhuma grande guerra ocorra. Que o bem consiga vencer o mal. Que esses espíritos endurecidos aceitem ajuda e, os que não aceitarem, que sejam retirados da Terra para mundos adequados ao seu progresso espiritual e que toda essa angústia se torne apenas uma lembrança na era de felicidade e paz que nos aguarda, se conseguirmos resistir. 

Espírito: Pai Cipriano das Almas
Médium: Adão Netto
Texto: Leonardo Montes 
Casa de Caridade Irmãos de Luz – Uberaba, MG

sábado, 12 de dezembro de 2015

Nossa confraternização de 2015 - Trabalhadores voluntários e alunos.

Alegria no ar - Revelação de Talentos




Agradecemos a Jesus e a Espiritualidade Superior por mais um ano de aprendizado!!




Natal..

Natal, dia Especial para As Crianças, que ainda vivem o momento mais belo da vida, A inocência...Uma Magia sem fim...
Pois então, Viva o Papai Noel!!


Chá Beneficente com Bingo

Cada do Caminho agradece a todos que colaboraram para a realização desse evento! 














05 de Dezembro de 2015
Entrega das sacolinhas de Natal

Criancada ansiosa e feliz!!!

*Bem-Vindo Papai Noel!!*















terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Próximo Trabalho de Psicografia

DIA 12/Dezembro/2015 - SÁBADO  
INÍCIO:18 HORAS

  
CENTRO ESPÍRITA KARDECISTA
CASA DO CAMINHO
RUA JANDAIA DO SUL,190- V.GUILHERMINA

CONVIDA  A  TODOS    PARA

BAZAR  BENEFICENTE

* ROUPAS –BRINQUEDOS  E  ARTIGOS DIVERSOS !!


DIA  12/ DEZEMBRO- SÁBADO- DAS 9 AS 15 HORAS .

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Trabalho Espiritual de Psicografia- dia 14 de Novembro.
Presença dos amigos Arthur Druwe e Rubens do Grupo Semente de Luz.... Trabalho maravilhoso!!! ...agradecemos à Jesus!!




sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Trabalho Espiritual de Psicografia - dia 25 de Outubro - Mensagens dos Mentores dos Animais...

Presença dos nossos amigos do Vozes de Bethânia....como sempre muita emoção no ar!!!

                               

Feliz Aniversário!

Dia 13 de Novembro teve bolo para nossos queridos amigos: Betinha, Clélia, Charles, Juracy, Vanessa e para a Toshiko.  

Parabéns! Saúde, Paz e Luz!!! 




Entrega de certificados!!

Dia 13 de Novembro, foi entrega dos Certificados para os alunos. Parabéns a Todos e a Todas as Coordenadoras! 

"Lembramos que só serão validos se praticarmos o aprendizado!"















Palestra na Casa do Caminho

No dia 09 de Novembro tivemos a presença de Andrea Bien com sua voz de "rouxinol", emocionando a todos. 

Parabéns Andrea pelo cd de músicas natalinas!!!


sexta-feira, 13 de novembro de 2015

CHÁ BENEFICENTE COM BINGO


O CENTRO ESPÍRITA KARDEC.
CASA DO CAMINHO
 convida a Todos para:

CHÁ BENEFICENTE COM BINGO, que será realizado 
Dia 28/NOVEMBRO/2015 – Sábado –Início: 15 horas      
 Valor: R$ 5,00

Sorteio de prendas especiais:  
01 Radio Micro-Sistem,
Cafeteira, Batedeira,entre outras.

OS CONVITES JÁ ESTÃO Á VENDA!

CONTAMOS COM SEU GESTO DE AMOR!

LOCAL:   CLUBE DO PESCADOR
Rua Almeida Brandão, 503-A- Vila Guilhermina